Resultado 2016 

Os ativos sob gestão da companhia subiram 30,8% em comparação aos primeiros seis meses de 2015, de R$ 132,9 bilhões para R$ 173,8 bilhões. A arrecadação total foi de R$ 21,9 bilhões, 13,4% a mais que no mesmo período de 2015, quando fechou os primeiros seis meses do ano com R$ 19,3 bilhões. Este desempenho fez com que a empresa apresentasse lucro líquido de R$ 464,7 milhões, um aumento de 8,2% frente ao lucro ajustado do mesmo período de 2015 (R$ 429,6 milhões).