Próxima página Página anterior

Conversando com a minha mãe, ela me aconselhou a diversificar a aplicação do dinheiro que eu tinha guardado. Com a ajuda do gerente do Banco do Brasil, coloquei uma quantia em um plano de previdência privada da Brasilprev e agora mensalmente faço contribuições.

Marcela de Almeida Pinto (26 anos) é enfermeira e cliente da Brasilprev há mais de dois anos.


Estratégia de Inovação: gerar capacidades para desenvolver a inovação com foco em proporcionar a melhor experiência para os clientes e maximizar a eficiência operacional.

Sobre o Relatório

Introdução

A Brasilprev Seguros e Previdência S.A. publica este Relatório Anual com o objetivo de apresentar aos públicos de interesse o desempenho, as práticas, as conquistas e os desafios enfrentados no exercício de 2017. Este documento, pelo quarto ano consecutivo, segue as diretrizes Standards da Global Reporting Initiative (GRI), opção “Essencial”, além das recomendações da Associação Brasileira das Companhias Abertas (ABRASCA).GRI 102-50 | 102-52 | 102-54

O conteúdo aqui apresentado está baseado na Matriz de Materialidade revista em 2016 e apresenta a empresa, sua estratégia e seu desempenho operacional (saiba mais em Matriz de Materialidade). Este relatório está organizado em três grandes blocos, que correspondem às prioridades de atuação em sustentabilidade da companhia: Formação de cultura previdenciária, Investimentos responsáveis e Gestão responsável. O documento também aborda a inovação – direcionador propulsor para os demais objetivos estratégicos da companhia – e o engajamento de stakeholders, cuja abordagem e frequência estão descritas especialmente no capítulo Gestão responsável.GRI 102-46

Não houve mudanças significativas em relação a períodos cobertos por relatórios anteriores na lista de tópicos materiais e limites. As reformulações de informações fornecidas em períodos anteriores estão sinalizadas ao longo do texto. Este documento não foi submetido à asseguração externa. Na Central de Downloads é possível acessar as demonstrações financeiras, que incluem todas as operações da empresa.GRI 102-45 | 102-48 | 102-49 | 102-56

Comentários, sugestões ou críticas a respeito deste documento podem ser encaminhados para o endereço eletrônico comunicacao_corporativa@brasilprev.com.br.GRI 102-53

Matriz de Materialidade GRI 102-40 | 102-42 | 102-43 | 102-44 | 102-46 | 102-47 | 103-1

O processo de construção da Matriz de Materialidade ocorreu em 2016, e, durante sua elaboração, foram consideradas consulta on-line ao público interno (acionistas e colaboradores), entrevistas com executivos da companhia, painel presencial com participação de diretores, superintendentes e gerentes de reporte direto à Diretoria, bem como estudos de megatendências e análise de percepção. Além disso, foram realizadas consultas on-line aos stakeholders externos – clientes, fornecedores, parceiros de negócio e representantes do meio acadêmico, das entidades do setor, do meio ambiente e da sociedade –, entrevistas com especialistas em educação financeira, investimentos responsáveis, mercado financeiro/previdência privada e sustentabilidade, estudos de mídia e análise da concorrência.

Em 2017, a Brasilprev optou por manter a mesma Matriz de Materialidade com os 14 temas que foram destacados como de maior relevância para sua operação, conforme gráfico a seguir:

Ao longo do relatório também serão reportados, como informações complementares, os GRI Standards 401-1, 401-2, 401-3, 403-2, 404-1, 404-2, 404-3, 405-1, 405-2, 414-2, FS6, FS13 e FS14.

Prioridades Temas materiais Tópicos Standard
Formação de Cultura Previdenciária Educação financeira e previdenciária Suplemento setorial – Serviços financeiros: Rotulagem de produtos e serviços DMA (Antigo FS16): Iniciativas para melhorar a educação financeira por tipo de beneficiário
Treinamento da força de vendas Nenhum tópico GRI relacionado -
Consultoria para o ciclo de vida previdenciário Nenhum tópico GRI relacionado -
Desafio transgeracional Nenhum tópico GRI relacionado -
Desenvolvimento financeiro das famílias 413: Comunidades locais 413-1: Operações com programas implementados de engajamento da comunidade local, avaliação de impactos e desenvolvimento local
413-2: Operações com impactos negativos significativos reais e potenciais nas comunidades locais
Suplemento setorial – Serviços financeiros: Portfólio de produtos e serviços FS7: Valor monetário de produtos e serviços com benefício social, separados por cada linha de negócios e discriminados por objetivo
Investimentos Responsáveis Responsabilidade na gestão de investimentos 201: Desempenho econômico 201-2: Implicações financeiras e outros riscos e oportunidades relacionados a mudanças climáticas
Suplemento setorial – Serviços financeiros: Portfólio de produtos e serviços DMA (Antigo FS1): Políticas com componentes ambientais e sociais específicos aplicadas às linhas de negócio
Suplemento setorial – Serviços financeiros: Controle acionário ativo FS10: Percentual e número de empresas do portfólio da instituição com as quais a organização relatora interagiu em relação a questões socioambientais
FS11: Percentual de ativos sujeitos às triagens ambiental ou social (positiva e negativa)
Geração de resultados perenes 201: Desempenho econômico 201-1: Valor econômico direto gerado e distribuído
201-3: Cobertura das obrigações previstas no plano de pensão de benefício definido na organização e outros planos de aposentadoria
201-4: Assistência financeira recebida do governo
203: Impactos econômicos diretos 203-1: Investimento em infraestrutura e serviços oferecidos
203-2: Impactos econômicos indiretos significantes
412: Avaliação de direitos humanos 412-3: Acordos e contratos de investimentos significativos que incluem cláusulas de direitos humanos ou que foram submetidos à avaliação em direitos humanos
Segurança financeira do consumidor 417: Rotulagem de produtos e serviços 417-1: Requisitos para informações e rotulagem de produtos e serviços
417-2: Casos de não conformidade relativo a informação e rotulagem de produtos e serviços
418: Privacidade do cliente 418-1: Queixas comprovadas relativas a violação de privacidade e perda de dados de clientes
Suplemento setorial – Serviços financeiros: Rotulagem de produtos e serviços DMA (Antigo FS15): Políticas para um bom desenvolvimento e venda de produtos e serviços financeiros
Gestão legal e regulatória 419: Conformidades socioeconômicas 419-1: Não conformidade com leis e regulamentos nas áreas econômicas e sociais
206: Concorrência desleal 206-1: Ações legais para práticas de concorrência desleal, antitruste e monopólio
Gestão Responsável Comunicação transparente 417: Rotulagem de produtos e serviços 417-3: Casos de não conformidade em relação a comunicações de marketing
Ética, combate à corrupção e prevenção de lavagem de dinheiro 415: Políticas públicas 415-1: Contribuições a partidos políticos
Suplemento setorial – Serviços financeiros: Auditoria DMA (Antigo FS9): Cobertura e frequência das auditorias para avaliar a implementação de políticas socioambientais e procedimentos de avaliação de risco
205: Anticorrupção 205-1: Operações avaliadas quanto a riscos relacionados a corrupção
205-2: Comunicação e treinamento sobre políticas e procedimentos sobre anticorrupção
205-3: Casos confirmados de corrupção e medidas tomadas
Inovação Nenhum tópico GRI relacionado -
Otimização das operações e TI verde Nenhum tópico GRI relacionado -
Relacionamento com entidades do setor, sociedade e governo Nenhum tópico GRI relacionado -